Blefaroplastia

As pálpebras estão localizadas em uma das partes mais visíveis do rosto. Qualquer alteração pode mudar o aspecto de toda a face, resultando em semblantes envelhecidos, cansados ou tristes.

Informe-se e marque sua consulta.

Preencha o formulário, nossa equipe especializada entrará em contato.

ou ligue:

11 5539.1811

Além do caráter estético, também há um caráter funcional. Em alguns casos, a pele das pálpebras superiores fica tão flácida que chega a atrapalhar o campo visual. Em geral, esse problema se acentua depois dos 45 anos de idade, mas o que determina a procura por essa cirurgia não é a idade e sim o aspecto dos olhos.


Como é a cirurgia?

Na blefaroplastia, com o auxílio da anestesia local e sedação (na maior parte dos casos), retira-se o excesso de pele e as bolsas de gordura através de um corte que segue o contorno natural da pálpebra superior e uma pequena incisão abaixo dos cílios na pálpebra inferior. As cicatrizes ficam escondidas sob a prega natural dos olhos e nos cílios, sendo praticamente imperceptíveis.

A cirurgia de blefaroplastia tende a ser rápida e os resultados causam uma melhora considerável na aparência, dando ao rosto um aspecto jovial e um semblante mais descansado ao paciente.

Como é o pós-operatório?

Após a realização da blefaroplastia, o paciente deverá repousar por dois dias, e manter a cabeça elevada por uma semana evitando esforços físicos por cerca de três semanas. Deve-se conservar o curativo de 2 a 3 horas e usar colírio para proteger o olho de desconfortos que variam da sensação de queimação a embaço visual. Podem ser feitas compressas geladas de soro fisiológico durante o primeiro mês da cirurgia. É importante evitar a exposição solar por três meses, utilizando sempre óculos de sol e protetor solar.