Plástica Montenegro

Cirurgias Plásticas

Mastopexia

Elevação de mama/mamas caídas/levantar seios/mamoplastia de elevação

Veja o vídeo
Explicativo

Para a mulher, a importância de ter seios bonitos, firmes e proporcionais transcende o simples aspecto estético. Quando ela não está satisfeita com a aparência deles, sua autoestima e a segurança em relação a sua feminilidade ficam seriamente abaladas, comprometendo, emocionalmente, sua qualidade de vida.

Para as mulheres que apresentam ptose (queda), flacidez e assimetria nas mamas, a mamoplastia de elevação, ou mastopexia, é o procedimento mais indicado. A cirurgia é indicada para mulheres com mais de 35 anos ou aquelas que já tiveram filhos e não desejam outras gestações. Vários são os fatores que podem influenciar e comprometer a aparência dos seios, como será detalhado a seguir. O procedimento pode ser feito individualmente ou em associação com a mamoplastia de reduçãoou de aumento.

Quais as causas para as mamas mudarem de forma?

Embora existam muitos fatores que possam contribuir para a flacidez das mamas, o processo de envelhecimento e os efeitos da gravidade exercem um papel importante nessas alterações. Com o passar do tempo, a pele da mama perde a elasticidade, tornando-se flácida. As mamas aumentam durante a gestação e a amamentação, o que faz a pele esticar ainda mais. À medida que as mamas diminuem de tamanho após a gravidez, a pele que estava esticada se torna flácida. Por fim, as mudanças de peso e até as alterações hormonais podem modificar o aspecto das mamas. Esses fatores, associados, podem fazer a mama cair ou, em alguns casos, inclinar para baixo.

Especificações

Anestesia: local com sedação ou geral
Duração da cirurgia: de 2 a 4 horas
Tempo de internação: entre 12 e 24 horas
Pré-operatório: realização de exames laboratoriais e suspensão do uso de medicamentos como, por exemplo, anticoagulantes
Pós-operatório:uso de sutiã cirúrgico por, no mínimo, um mês
Tempo de recuperação:7 a 14 dias

Médico Responsável: CRM 51.769 | REQ: 14693